.

Edição 310

A semana passada foi de fortes emoções. Após passar nove horas e meia em um salão de beleza, deixei o local com o cabelo cor de rosa. Ah, legal, Vasconcellos, significa que 2010 será rosa choque para você. Nada disso, caro leitor. Para quem não havia pedido à cabeleireira que deixasse seus fios tingidos de rosa, foi um baita susto. Resultado: dois dias sem me alimentar direito, dores de estômago, enjoos, para vocês verem o que um erro em uma tintura capilar pode provocar. Mas, e agora, Vasconcellos, vai passar o Natal e o Ano-Novo de cabelo rosa? Não, por um milagre, uma sorte do destino, ou chame do que quiser, o cabelo está voltando ao normal com as lavagens. Não será, portanto, necessário um disfarce para sair às ruas.
Disfarce ocular – Imagine alguém com cabelo rosa acompanhado de um par de óculos de sol brancos, como esses da Lupa Lupa? Creio que em vez de disfarçar, o visual ficaria ainda mais chamativo e estiloso.
Disfarce labial – Tenho coleção de batons, mas no dia em que me vi de cabelo rosa nada disfarçava minha expressão de susto, nem uma boa maquiagem. Para quem ainda está indeciso sobre os presentes de Natal, eis uma sugestão barata e adequada ao verão, pois o batom da Naturativa, farmácia de manipulação, tem proteção solar. Preço: R$ 15,00.
Disfarce manual – Vasconcellos, suas mãos são tão lindas...Já revelei o truque em edições anteriores, tenho que fazer as unhas duas vezes por semana e, apesar de todo esse cuidado, minhas unhas são quebradiças há uns 10 anos. Esses dias, encontrei a base Diamond Strength, da Sally Hansen, não chega a solucionar totalmente o problema, mas ameniza bastante.
Disfarce alimentar – No mesmo dia em que saí às ruas com o cabelo cheio de nuances cor de rosa, comprei o conjuntinho de jogo americano, pratinhos e tigela Pink&Rose da Tok&Stok. Excelente para crianças que costumam recusar alimentos saudáveis, quem sabe com a ajuda da cachorrinha Pink e da gatinha Rose elas passem a comer melhor em 2010.
Disfarce masculino – Com as roupas de banho da marca francesa Vilebrequin, não há dúvida: tal pai, tal filho. Em tempos de Rio 40°C e praias lotadas, torna-se mais fácil encontrar um garotinho perdido nas areias, é só dizer que está vestido como o pai. Uma das lojas fica no Shopping Leblon.
Disfarce marketeiro – Aos fãs saudosos da Zoomp, uma boa notícia: a marca pode voltar, em breve, a ter loja no Rio. Em fevereiro deste ano, a Zoomp teve sua falência decretada, mas parece se recuperar garantindo participação no Fashion Business Tech, que será realizado entre os dias 10 e 13 de janeiro na Marina da Glória, no Rio de Janeiro.
A coluna Falando de Moda deseja um Super Feliz Natal e um 2010 com muito glamour. Aviso que estarei de férias até o dia 5 de janeiro, quando a coluna volta ser publicada. Tchau e até lá!
E-mails para esta coluna: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Colaboração:
Maria Contreras e Paula Leite (de Brasília)
Virgil  Christine (da França)

 

 

Leia também as outras edições

.

Sobre Flávia

flávia-new siteFlávia Vasconcellos já viu reis e rainhas, é jornalista, editora-chefe e colunista do site Falando de Moda.
Saiba mais...

Parceiros

banneratalhocultura120